Artista paraense Hadassa Hanna realiza exposição hoje (25) e sábado (26)


artista Hadassa Hanna

A exposição artística da paraense Hadassa Hanna será nos dias 25/11 (às 17h) e 26/11 (às 9h), no Colégio Universo, em Vila dos Cabanos (Barcarena/PA). A mostra terá diversas telas produzidas ao longo de sua trajetória como pintora. A adolescente autista expressa na arte suas emoções, vivências e aprende a lidar com as dificuldades típicas do transtorno (TEA).


Hadassa relata ter tido dificuldade para aprender a falar e, portanto, a pintura e o desenho expressavam o que ela precisava.

“Quando eu queria comer feijão desenhava e mostrava para minha mãe”, comentou a autora em uma aula de língua portuguesa. A jovem relata ainda que é entre os pincéis, telas e tintas que sua imaginação flui e ela se sente plenamente realizada.

O mundo precisa de todos os tipos de mentes é o tema da palestra de Temple Grandin no Ted Talk, ciclo de encontros em que nomes de referência em diversos campos do conhecimento são chamados para expor suas ideias. Esse tema inspirou a artista para nomear também sua exposição. Temple é psicóloga e zootecnista, conhecida por revolucionar as práticas para tratamento racional de animais vivos, em fazendas.


A palestrante diz que o autista pensa em imagens, são pensadores visuais e as mentes deles se prendem aos detalhes. Para Grandin, o mundo precisa valorizar mais a linguagem não verbal.


A aluna estuda em escola de ensino regular, tem amigos e participa de todas as atividades propostas. Hadassa supera as estereotipias típicas do TEA, através de suas terapias e do esforço coletivo: família- especialista- escola. Ela pretende trabalhar com artes visuais, animes, quadrinhos e escrever livros para o público juvenil. Empatia descreve a artista que vislumbra um mundo mais inclusivo e repleto de oportunidades para as pessoas atípicas.

62 visualizações1 comentário